Tag Archives: fotolivro

Home / Posts tagged "fotolivro"

#Clipping: Pablo Pinheiro é notícia no Jornal da Paraíba

O Jornal da Paraiba destacou a palestra de Pablo Pinheiro sobre o projeto “Uma Tradição nos Rios Grandes” que resultou no livro Rio Grandes, lançado em João Pessoa em 27 de agosto.

De acordo com a reportagem de Audaci Junior, em sua jornada em milhares de quilômetros percorridos, o fotógrafo perdeu 15 quilos para “se garantir no meio do mato”, em um habitat bem diferente do sertanejo.

Pablo, adaptado ao calor do Rio Grande do Norte, onde mora, enfrentou o frio de um Rio Grande do Sul em pleno mês de maio. Apesar das diferenças climáticas, ele se surpreendeu com as similariedades:  “Fui mergulhar dentro desse processo achando que ia ser bem diferente, mas a única diferença é a distância. Quando entramos nos Pampas, os matos são iguaizinhos aos da Caatinga”, disse ao ser entrevistado.

clipping-jornal-da-paraiba-rio-grandes

#Clipping: na Bahia dois portais falam sobre o fotolivro Rio Grandes

Na Bahia, duas publicações destacaram o lançamento do fotolivro sobre a figura do vaqueiro de Pablo Pinheiro: o Bahia Prime e o Jornal Agora

No texto divulgados em 14 de agosto, os veículos destacam que o fotolivro e as palestras por seis cidades do Brasil fazem parte do projeto Uma Tradição nos Rios Grandes, contemplado pelo Prêmio Marc Ferrez de Fotografia.
Para baixar o fotolivro gratuitamente aqui pela internet clique neste link.

 

portal-agora-bahia-pablo-pinheiro

 

 

bahia-prime-clipping-pablo-pinheiro

Clipping: Fotolivro de Pablo Pinheiro no Zero Hora

Rosane Tremea destacou em sua coluna Recortes de Viagem na edição impressa do jornal Zero Hora, o lançamento e palestra de Pablo Pinheiro em Porto Alegre. Confira o que ela escreveu:

 

Pablo Pinheiro imergiu no sertão e no pampa, nos dois Rio Grandes, para retratar imagens durante o projeto Uma Tradição nos Rios Grandes – A imagem do vaqueiro contemporâneo em transição.

 

O fotógrafo, que vive no Rio Grande do Norte, lança o livro e conversa sobre o trabalho, iniciado em 2010, no dia 11 de agosto em Porto Alegre. Além das fotos, Pablo gravou depoimentos em vídeo, tentando mostrar as transformações do ambiente rural nos dois Estados.

 

Palestra Pablo Pinheiro
Fluxo, Escola de Fotografia Expandida
Rua João Teles, 291, Bom Fim, Porto Alegre-RS
11 de agosto, 19h30.

clipping-rio-grandes-pablo-pinheiro-RS

Clipping: fotolivro Rio Grandes no jornal Zero Hora

Em seu blog sobre Fotografia, o jornal Zero Hora destacou em O Foco Blog a presença de Pablo Pinheiro no lançamento do Fotolivro Rio Grandes, em Porto Alegre. A palestra será no dia 11 de agosto, às 19h30 na Fluxo – Escola de Fotografia Expandida, na rua João Telles, 291, Bom Fim.
O texto destaca o projeto Uma Tradição nos Rios Grandes – a imagem, do Vaqueiro Contemporâneo em Transição com fotografias de vaqueiros no Rio Grande do Norte e no Rio Grande do Sul para mostrar as transformações do ambiente rural dos dois Estados. O projeto, que deu origem ao Fotolivro, ganhou o Prêmio Funarte Marc Ferrez de Fotografia.

 

zero-hora-fotografia-pablo-pinheiro

Parte II – Rio Grandes: imersão para a edição das imagens

No Rio Grande do Norte, a pecuária exerceu um importante papel na ocupação do semi-árido. Povoada desde o século XVIII, Acari, na região do Seridó, foi onde começou a vivência de Pablo Pinheiro com o vaqueiro sertanejo no projeto Uma Tradição nos Rio Grandes – a imagem do Vaqueiro Contemporâneo em transição, que recebeu o XIV Prêmio Funarte Marc Ferrez de Fotografia.

 

Para compartilhar um pouco desta experiência, o fotógrafo propôs para toda a equipe sair do litoral para uma imersão em Acari. E foi neste ambiente que realizaram a edição das imagens para o fotolivro Rios Grandes.

 

O desfrute visual de vegetação e a experimentação do ecossistema onde atua o vaqueiro trouxeram algumas reflexões para o grupo, até mesmo questões de como a geografia e o calor influenciam no modo de viver e conviver. Para Pablo, foi muito importante reunir a equipe e estar na mesma realidade e ambiente nesta fase do projeto, uma experiência que ele definiu como ‘coletivo harmonizado': “Houve total cumplicidade para a elaboração do resultado, onde cada pessoa compreende a função e o espaço do outro no projeto e percebe-se como um complemento”, diz.

 

 

Juntar toda a equipe garantiu cumplicidade nesta etapa final. A edição de imagens de Rio Grandes é de Rosely Nakagawa, no entanto, todos vivenciaram o processo e saíram transformados. Para Pablo, todos souberam tirar proveito da imersão. “Cada um de nós tem a sua própria ferramenta, que juntando vira uma coisa só: o resultado. É um grande aprendizado”, completa.

 

Desta imersão no sertão, vale lembrar que de São Paulo vieram a editora de imagens Rosely acompanhada de seu marido — o artista Rubens Matuck — e também Luciano Valença, profissional da plataforma multimídia. Do litoral (Natal), estavam Pablo junto com Allan Marlon, que assina o visual do projeto e a produção de vídeos, e Tiago Lima, fotógrafo que vem documentando parte do processo do projeto.

 

Conviver, dormir, acordar, discutir, elaborar e assim, sair com um resultado. Este foi o objetivo. “É como se todos nós fôssemos parte de um esqueleto que agora ganhou corpo, músculos, sistemas e tecidos. Tudo vivo e funcionando”, comenta Pablo. “Agora é partir para a montagem do fotolivro e se preparar para viajar por seis cidades pelo Brasil e relatar a experiência”, conclui.

 

Encerrada a imersão, antes da despedida, um brinde aos momentos vividos em cumplicidade. A equipe volta ao litoral e dá uma pausa no restaurante Camarões. Ali se tornam novamente seres potiguares, comedores de camarão.

 

E deixaram as lembranças com a esperança de terem um bis.